Jardim de Tuileries

Jardim de Tuileries

Com uma localização excepcional entre o Museu do Louvre e a Praça da Concorde, o Jardim de Tuileries foi o primeiro jardim de Paris que teve caráter público.

O passado do Tuileries

Em 1564 começaram as obras de construção do Palácio de Tuileries, o qual, sob as caprichosas ordens de Catarina de Médici, iria acompanhado por belos e extensos jardins de estilo florentino. O palácio e seus jardins devem seu nome às fábricas de “tuilles” ou telhados, que antes estavam instaladas no local.

Os jardins se tornaram um lugar de celebração de festas luxuosas nas quais os convidados desfrutavam entre espaços verdes, fontes e esculturas. Naquela época, os jardins estavam rodeados por altos muros que protegiam a privacidade da alta sociedade.

Depois que a Corte foi trasladada a Versalhes, o palácio e os jardins ficaram no abandono e não voltaram a recuperar seu esplendor até a sua volta, quando os jardins foram transformados ao estilo inglês. Posteriormente Napoleão ordenou a construção do Arco do Triunfo do Carrossel, unindo os jardins com o Louvre.

Em 1870, o Palácio de Tuileries foi destruído pela Comuna de Paris, mas os jardins conseguiram se salvar e sobreviver até os dias de hoje como jardins públicos.

Um grande lugar na cidade

Atualmente, os jardins deixaram de ser o lugar que no passado era frequentado pelas classes altas que queriam ver e ser vistas, e passaram a ser um agradável passeio rodeado de jardins de caráter público onde centenas de parisienses e turistas podem fazer uma pausa da vida movimentada da cidade.

É um verdadeiro prazer desfrutar do passeio pelos Jardins de Tuileries percorrendo a avenida central repleta de árvores e esculturas, enquanto os típicos edifícios parisienses com telhados cinzas que a rodeiam nos lembram que estamos no centro de Paris.

Ao contrário da visita a outros jardins da cidade, que pode ser opcional, o Jardim de Tuileries é uma visita obrigatória graças à sua excelente localização no coração da cidade, unindo dois pontos tão importantes como o Museu do Louvre e a Praça Concorde.

Transporte

Metrô: Tuileries, linha 1, Concorde, linhas 1, 8 e 12.

Lugares próximos

Museu de Artes Decorativas (271 m)
Museu d'Orsay (389 m)
Praça Vendôme (497 m)
Museu Orangerie (504 m)
Museu do Louvre (549 m)